A VIDA DOS PEIXES (2010)

A Vida dos Peixes | La Vida de Los Peces | dir. Matías Bizen | Chile | ★★★★

A Vida dos Peixes Poster

É uma pena que esse “A Vida dos Peixes” tenha passado despercebido por nosso circuito. Por discutir perdas, danos, vida estagnada (com a falsa idealização de ruptura com o passado) e amores malsucedidos, o filme deveria ser mais apreciado, principalmente por aqueles que acreditam estar com seus sentimentos domados. Ao voltar para o Chile a fim de resolver pendências imobiliárias e outras burocracias, Andrés (Santiago Cabrera) resolve ir para a festa de aniversário de um amigo. Agora jornalista e conhecendo várias partes do mundo para publicações e guias de viagens, Andrés acredita piamente que sua vida seguiu um rumo adiante. O reencontro que mais lhe balança é com Beatriz (Blanca Lewin), seu primeiro e único amor, agora casada e mãe de duas filhas. Entre corredores percorridos, conversas, devaneios e discussões que deveriam ter sido feitas antes, Andrés poderá estar diante de uma encruzilhada emocional. Foi quase inevitável não fazer um diálogo entre “A Vida dos Peixes” e “O Turista Acidental” (1988). As coincidências vão muito além do fato de que os protagonistas desses dois filmes vivem viajando, escrevem guias, e, muito por conta disso, deixam suas vidas em segundo plano. Investir em uma raiz – seja ela o amor ou simplesmente a vida em um lugar fixo – sem pensar como um turista pode estar a chave de uma felicidade genuína. Isso desmitifica, e muito, a crença de que viver de viagens é sinônimo de curtição, de uma pessoa bem-sucedida. Até é. Mas a idade cobra algo que não nos faça passageiros. Talvez uma família, um lar, uma companhia, ou a confirmação de que o amor da sua vida se encontra ao seu lado. Com uma direção bem natural, passado em um único ambiente e a câmera basicamente seguindo o protagonista, Matías Bize dá o seu recado de maneira bem singular, figurado pelo roteiro, escrito em companhia de Julio Rojas.

Resumo
Data
Título
A Vida dos Peixes
Avaliação
41star1star1star1stargray

Comentários (via Facebook)

comments

3 Comentários

  1. Vi esse filme essa semana em uma mostra na minha cidade, simplesmente amei, achei o filme lindo. E o tema abordado creio que faz todos pensarem um pouco sobre suas decisões também, super recomendo também.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.