ADVOGADO DO DIABO (1997)

Advogado do Diabo | The Devil’s Advocate | dir. Taylor Hackford | EUA | ★★

Advogado do Diabo Poster

Esse é daqueles filmes que tem um número até surpreendente de fãs, muitos deles egressos da época em que foi exaustivamente reprisado na TV. Não que a obra tenha ficado datada (obviamente, os efeitos visuais podem parecer um trabalho de feira de ciências pra colegial se for comparar com a evolução de hoje), é possível extrair até mesmo uma discussão sorrateira sobre a vaidade e o livre-arbítrio dentro de um contexto religioso. Mas e o êxito? Onde fica? Baseado na obra de Andrew Neiderman, “Advogado do Diabo” vai tratar da ascensão profissional de Kevin Lomax (Keanu Reeves), um advogado promissor de uma pequena cidade da Flórida, que segue uma maré de sorte sem perder um único caso nos tribunais. Por conta de tamanha repercussão, recebe uma proposta praticamente irrecusável de um escritório nova-iorquino. Ambicioso, Kevin vê na cidade grande a oportunidade perfeita para ir além do topo. Mesmo com a falta de apoio da mãe, uma carola protestante, ele parte para a nova cidade junto com sua esposa (Charlize Theron). Não demora muito e estranhos acontecimentos tomam a vida do casal, principalmente quando se trata da presença do maior sócio do escritório, o misterioso John Milton (Al Pacino). Agora é uma questão de tempo pra saber como o diabo vai se mostrar para o jovem advogado. A todo o momento nós sabemos que o personagem de Al Pacino é o demo. Quem dirige a produção é Taylor Hackford, que você certamente conhece de vista por ele ser aquele barbudo que acompanha Helen Mirren nas premiações. Aqui ele consegue, ao menos, revelar o talento já à flor da pele de Charlize Theron, hoje uma exímia vencedora do Oscar, mas que aqui é responsável de um papel que beira Mia Farrow em “O Bebê de Rosemary”. “Advogado do Diabo”, hoje em dia, pode soar tão falso quanto à capacidade de atuação de um Keanu Reeves.

Resumo
Data
Título
Advogado do Diabo
Avaliação
21star1stargraygraygray

Comentários (via Facebook)

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.