CASA DE AREIA E NÉVOA (2003)

Casa de Areia e Névoa |​ ​House of Sand and Fog​ ​|​ ​dir.​ ​Vadim Perelman ​| EUA ​|​ ​★★★★

Casa de Areia e Névoa Poster

Comprei o DVD de Casa de Areia e Névoa sem pestanejar. Apesar de não lembrar dos detalhes da história – vi pela primeira quando foi lançado há quase 15 anos – eu sabia que se tratava de um filme forte, desses que você fica meio mal depois de assistir. Na revisão, o que pude notar é que, sim, é de fato um filme melancólico, trágico e até mesmo irônico – assim como a vida é, não é mesmo? -, porém tiveram algumas decisões, principalmente na preparação para o ato final, que enxerguei uma mão pesada no melodrama que quase beirou a covardia. Ainda assim, é um trabalho de grande respeito do diretor ucraniano ​Vadim Perelman, que também co-escreveu o roteiro baseado no livro de Andre Dubus III. Por algum motivo misterioso, o mesmo cineasta só fez mais um tímido trabalho na América, intitulado “Sem Medo de Morrer”, de 2007. Todo o drama se desenrola na disputa de uma residência. Kathy (Jennifer Connelly) é a herdeira do lugar, onde mora sozinha e deprimida depois que o marido a deixou. Ela não chegou nem a abrir as correspondências do governo afirmando que perdera a casa por falta de pagamentos de impostos. Mesmo sendo despejada por um erro do sistema, o imóvel vai à leilão e comprado por Behrani (Ben Kingsley), um imigrante iraniano que pretende revender a casa depois para dar uma vida confortável para a mulher (Shohreh Aghdashloo, indicada ao Oscar de coadjuvante pelo trabalho) e o filho (Jonathan Ahdout). Daí se entrava uma disputa que não tem necessariamente um culpado. Ou todos são. Se de um lado Kathy não deveria estar morando num carro por erro burocrático, Benhrani não deveria ser penalizado por culpa dos outros. É uma situação delicada, chata, mas que não poupa decisões que degringolam reações inesperadas. Casa de Areia e Névoa ainda traz interpretações magníficas de Connely e Kingsley. Filme pesado!

Resumo
Data
Título
Casa de Areia e Névoa
Avaliação
41star1star1star1stargray

Comentários (via Facebook)

comments