FOXCATCHER – UMA HISTÓRIA QUE CHOCOU O MUNDO (2014)

Foxcatcher – Uma História que Chocou o Mundo | Foxcatcher | dir. Bennett Miller | EUA | ★★★★

Foxcatcher Poster

Foxcatcher – Uma História que Chocou o Mundo” chegou a ficar em cartaz durante a Mostra Internacional de São Paulo no ano passado, e já ali despontou destaques que dariam fôlego durante a temporada de premiações. O começo do ano seguinte começou e, como costumeiramente acontece, as produções “oscarizadas” começam a ganhar cada vez mais burburinho. Esse novo trabalho de Bennett Miller (“Capote”, “O Homem Que Mudou o Jogo”) vai retratar um crime hediondo ocorrido em 1996, mas pegando suas raízes durante o ano de 1987, quando o atleta Mark Schultz (Channing Tatum) tenta reerguer a sua carreira no wrestling sendo treinado pelo irmão Dave (Mark Ruffalo), outro campeão da mesma modalidade. O que Mark não esperava era ser convocado para o time do multimilionário John Du Pont (Steve Carell), que mantém seus esportistas na imperiosa fazenda Foxcather. Dessa relação um tanto quanto estranha, vai se desenvolvendo uma obsessão no magnata, da qual será desaguada num fatídico crime alguns anos depois. Quando vi “Foxcatcher – Uma História que Chocou o Mundo” eu até sabia que tinha um assassinato envolvido ali, mas não exatamente quem contra quem. Isso me ajudou ainda mais a ficar interessado na trama, alicerçada por uma direção segura e impressionante atuação de Steve Carell, que está simplesmente fantástico, ainda que venha aquela mesma ladainha de comediante que se aventura no drama. O crime não é explicado em suas minucias, e sim problematizado. E é isso que pode decepcionar muita gente, pois todos nós sabemos que quanto mais procedural for o “filme baseado em fatos reais”, melhor para a plateia comum. Não foi um problema pra mim, muito pelo contrário. Considero essa aproximação muito mais elogiosa e envolvente, porque a tensão criada é realmente envolta numa tristeza que acoberta o espectador mais disposto. Mas isso não significa que muitos não podem teorizar. A homossexualidade de John Du Pont é quase sugerida pelo filme, já que o roteiro esconde o fato do homem ter sido casado nos anos 80. Estou curioso para saber se o pessoal vai embarcar nesse drama que considero até mesmo ousado.

Resumo
Data
Título
Foxcatcher - Uma História que Chocou o Mundo
Avaliação
41star1star1star1stargray

Comentários (via Facebook)

comments

Um comentário

  1. É um filme complicado de cair nas graças do ‘grande público’, mas só a atuação assustadora de Carell já vale todo o filme. Tatum e Rufallo também estão muito bem.

    A história que chocou o mundo mas muita gente sequer conhecia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.