HAMLET (2014)

Hamlet | dir. Cristiano Burlan | Brasil | ★★★

9º Festival de Cinema Latino-Americano de São Paulo

Hamlet 2014 Poster

Obras de William Shakespeare (1564 – 1616) são constantemente adaptadas para o cinema. Poderia soar estranho o fato de que teríamos uma adaptação livre dirigida pelo cineasta Cristiano Burlan após grande sucesso de seu documentário “Mataram Meu Irmão” (2013), premiado no festival É Tudo Verdade no ano passado. “Hamlet” era um dos títulos que mais me mantinha curioso dentro da programação do 9º Festival de Cinema Latino-Americano de São Paulo, e só tinha apenas uma única exibição no CineSesc. De cara, confesso que o filme é exatamente aquilo que eu esperava que fosse. Sim, trata-se de uma adaptação clara de uma das obras mais proeminentes do dramaturgo inglês, sem muitas alterações quanto aos elementos básicos da história. Estão lá o próprio personagem-título, a traição do seu tio contra seu pai, a Ofélia, a vingança, o questionamento do “ser ou não ser”, enfim, o argumento é o mesmo. A diferença – e aqui mora toda a singularidade desse “Hamlet” – é que a trama se passa na cidade de São Paulo nos dias de hoje. Hamlet, o revoltado príncipe da Dinamarca, é um rapaz rebelde com estilo de roqueiro. Ofélia, depois de morta (quem se surpreender com essa informação realmente precisa de ajuda) é enterrada no cemitério da Consolação, entre outras liberdades muito interessantes. Ainda dentro da própria metalinguagem artística, os atores ainda fazem suas considerações sobre como eles enxergam as personas que eles mesmos interpretam. Henrique Zanoni (Hamlet), Ana Carolina Marinho (Ofélia) e Jean-Claude Bernadet (o espectro do rei assassinado) são contundentes em suas reflexões, todas elas muito válidas para tornar a obra ainda mais contemplativa. Apesar de não ser um filme que se assemelha a tantas outras adaptações shakespearianas (difere em proposta e estrutura), achei o resultado bastante louvável, muito mais pela coragem em investir em cenas lacônicas para dar ainda mais intensidade a uma trama que muita gente (eu espero) já saiba de cor.

Resumo
Data
Título
Hamlet
Avaliação
31star1star1stargraygray

Comentários (via Facebook)

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.