INSTINTO MATERNO (2013)

Instinto Materno | Pozitia Copilului | dir. Calin Peter Netzer | Romênia | ★★★★★

37ª Mostra Internacional de São Paulo

Instinto Materno Poster

Instinto Materno” foi nada menos que o filme mais concorrido da 37ª Mostra Internacional de São Paulo. Eram feitos elogios por todos os lados, resultados do hype causado por um Urso de Ouro em Berlim. O que posso dizer é que as minhas expectativas (que não tinha como ficarem baixas) foram até mesmo superadas. O filme tem uma carga impressionante, principalmente por investir pesado na figura de Cornelia Keneres (Luminita Gheorghiu), uma arquiteta que organiza sua vida com grande controle. Seu maior desafio tem início quando seu filho Barbu (Bogdan Dumitrache) atropela e mata um garoto por conta de uma ultrapassagem em alta velocidade. Cornelia vai utilizar toda a sua influência para tentar favorecer o seu filho, mesmo que este se sinta sufocado pelos cuidados excessivos da mãe. A mulher, com extremo poder de manipulação e bons contatos que possam safar Barbu da cadeia, fará o possível para conseguir tudo o que planeja. Terceiro longa metragem do diretor Calin Peter Netzer, “Instinto Materno” é, num olhar mais contextualizado, uma grande crônica social produzida diante das corrupções existentes na Romênia. O texto nos faz ficar até mesmo descrente na capacidade humana de intervir em decisões que afetam diretamente outras pessoas. A obra vai costurar todas as suas matrizes para desaguar numa mise-en-scène espetacular, que prepondera o trabalho visceral da atriz Luminita Gheorghiu. “Instinto Materno” tem como co-roteirista o aclamado Razvan Radulescu, que também foi responsável pelo intrigante texto de “4 Meses, 3 Semanas e 2 Dias” (2007). Por razões óbvias, eu não posso me ater exatamente às cenas em que o filme ganha uma tensão que não é muito frequente no cinema atual, ainda mais em oportunidades que fogem do lugar-comum. Por sinal, o cinema romeno vem se destacando com produções que, partindo das situações simples do cotidiano, desenvolvem obras que vão muito além das denúncias vazias.

Resumo
Data
Título
Instinto Materno
Avaliação
51star1star1star1star1star

Comentários (via Facebook)

comments

Um comentário

  1. Bacana saber que sobreviveu ao hype. O cinema romeno tem mesmo chamado a atenção. Fiquei ainda mais interessado ao saber que trata-se do mesmo roteirista de 4 meses, 3 semanas, 2 dias, um filme bem acima da média.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.