INVASÃO ZUMBI (2016)

Invasão Zumbi | Busanhaeng | dir. Sang-ho Yeon | Coreia do Sul | ★★★★

40ª Mostra Internacional de São Paulo

Invasão Zumbi Poster

Achei divertido este “Invasão Zumbi”, que é um filme sul-coreano sobre… zumbis? Na verdade, não. Este é um exemplo de trabalho que a série de TV “The Walking Dead” (2010­) até hoje tenta fazer e, pra ser sincero, não sei se consegue (parei de acompanhar há um bom tempo). A intenção é falar muito mais sobre algo que não está diretamente ligado aos mortos-vivos, se utilizando deles somente como um mecanismo favorável ao arco dos personagens. O drama central na verdade é bem bobo, mas funciona. O drama que citei é o de Seok (Yoo Gong), um analista financeiro que tem pouco tempo para a filha pequena, Soon-an (Soo-an Kim). A garotinha, já cansada de ficar em casa sem ter a atenção do pai, pede para que ele a leve para Busan, onde está a sua mãe. Eles então partem para Busan no trem em que, no último minuto, entra uma garota infectada por um vírus que está causando o maior alvoroço em vários pontos do país. Será uma questão de tempo para que muitos passageiros sejam atacados um pelo outro. O que fica nítido nesses sobreviventes é que há um instinto de autopreservação que muitas vezes deságua no egoísmo. Essa individualidade resulta até mesmo numa ótima cena que nos mostra como o preconceito de determinada pessoa pode influenciar num grupo, alastrando ainda mais o risco ao senso de comunidade. Além disso, “Invasão Zumbi” tem cenas bem boladas, como o cordão de zumbis empurrado por um trem. O único problema que encontrei é na maneira como o vírus se alastra, que é diferente em cada situação. Obviamente, o processo é mais lento quando convém para o roteiro. “Invasão Zumbi”, com boa vontade, terá uma boa recepção do público, já que tem todos os elementos que consideramos satisfatórios num filme de zumbi bacana.

Resumo
Data
Título
Invasão Zumbi
Avaliação
41star1star1star1stargray

Comentários (via Facebook)

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.