MAGIA AO LUAR (2014)

Magia ao Luar | Magic in the Moonlight | dir. Woody Allen | EUA | ★★★★

Magia ao Luar Poster

Todos precisam de um motivo para apreciar a vida”, diz certo personagem de “Magia ao Luar”, o mais novo filme de Woody Allen. Amigos que sabem da minha admiração pelo diretor/roteirista ficaram no meu pé desde que o filme estreou nos cinemas, perguntando o que havia acontecido para eu ainda não ter conferido esse longa. Para esses eu respondo que gosto de ter um filme de Allen que eu ainda não tenha visto. Mas daí eu divago… o que importa é que nessa semana eu tirei a teima e posso dizer que “Magia ao Luar” é quase como um encontro entre “Scoop – O Grande Furo” (2008) e “Meia-Noite em Paris” (2011), se saindo muito melhor do que esses dois exemplos até. A história se inicia com uma das apresentações de Stanley (Colin Firth), mágico britânico que encarna um alterego chinês na Berlim de 1928. Ao encontrar um amigo de infância, este revela que uma médium norte-americana chamada Sophie Baker (Emma Stone), juntamente com sua mãe (Marcia Gay Harden), está pela Europa fazendo sessões mediúnicas, a ponto de encantar uma família de aristocratas e ganhando fama paranormal. Certo de que se trata de uma farsante, Stanley interrompe sua turnê para se encontrar com Sophie, que para sua surpresa é uma jovem encantadora e muito convincente. Aos poucos, os dois acabam se envolvendo. O maior barato desse “Magia ao Luar” é acompanhar esse embate entre o homem cético e a garota mediúnica. Stanley é racionalista ao extremo e niilista em essência, ao ponto de dizer que o mundo nada mais é “o que a gente vê”. Não é a toa que ele sempre está citando Nietzsche. Ao conhecer o suposto dom de Sophie, ele é confrontado pelo poder da crença, da possibilidade de NÃO haver um fim definitivo para a vida que ele tanto afirmava finita. Dito tudo isso, o que propõe Woody Allen nessa obra já vale a experiência. Continue assim, Woody!

Resumo
Data
Título
Magia ao Luar
Avaliação
41star1star1star1stargray

Comentários (via Facebook)

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.