MARTHA MARCY MAY MARLENE (2011)

Martha Marcy May Marlene | dir. Sean Durkin | EUA | ★★★

Martha Marcy May Marlene Poster

Vi notícias de que este filme estava sendo bem recebido em festivais de cinema, muito por conta do trabalho notável de Elizabeth Olsen. Não se engane pelo sobrenome. Sim, ela é da mesma família das gêmeas Mary-Kate e Ashley Olsen. Esquecendo esta coincidência familiar, “Martha Marcy May Marlene” marca a estreia de Sean Durkin num trabalho que irá satisfazer poucas pessoas do público em geral.

De maneira pausada e quase ausente de recursos, o filme trata da volta de Martha (Elizabeth Olsen) para o contato da família que lhe resta -a irmã Lucy (Sarah Paulson) e o cunhado – após dois anos sem dar notícias. Ela esteve numa zona rural de Nova York, vivendo com um grupo de pessoas que faziam uma espécie de culto, no qual os homens ficam tocando violão o dia todo enquanto as mulheres fazem as tarefas domésticas (e a noite todo mundo dorme amontoado e fazem sexo grupal). Tudo isso é liderado pelo carismático Patrick (John Hawkes), um cara capaz de fazer uma verdadeira lavagem cerebral nos jovens que vivem naquela espécie de seita. Martha, que sempre está sendo testada e submetida às vontades do chefe desse lugar, resolve fugir e voltar ao convívio da irmã, mas não consegue dizer onde esteve e suspeita de que pode estar sendo perseguida pelos antigos irmãos de sociedade.

Martha é uma personagem complicada de lidar. Suas memórias a tornaram uma pessoa imprevisível. Nadar pelada ou não respeitar a intimidade da irmã são pequenos exemplos que ficam soltos no filme pra apresentar alguma perda de discernimento por parte de protagonista. Sempre fica aquele clima de não saber se o que ela vê é real ou não, se está sendo de fato vítima de perseguição ou seria de algum desvio psicológico. O que fica quase certo o tempo todo é que suas várias identidades (Martha, Marlene, Marcy May) se colidem de uma forma introspectiva, para deixar a garota ainda mais confusa em relação ao seu presente e seu passado. “Martha Marcy May Marlene” é tão enigmático quanto seu desfecho.

Resumo
Data
Título
Martha Marcy May Marlene
Avaliação
31star1star1stargraygray

Comentários (via Facebook)

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *