MINHA VIDA DE ABOBRINHA (2016)

Minha Vida de Abobrinha ​|​ ​Ma Vie de Courgette​ ​|​ ​dir.​ ​Claude Barras ​|​ ​França ​|​ ​★★★★★

Minha Vida de Abobrinha PosterTalvez o único problema de “Minha Vida de Abobrinha” seja o fato de ser curtinho demais. Ao todo o filme tem pouco mais de 60 minutos! Por outro lado, a curta duração não compromete este lindo trabalho que chegou a ser finalista na categoria de melhor animação no Oscar. Dificilmente ganharia de um título norte-americano como “Zootopia”, mas pelo menos o ajudou a se tornar mais conhecido. O mote é bastante triste, o que pode afastar quem estiver buscando um passatempo mais infantil. Se você assistiu e gostou do igualmente ótimo “Mary e Max – Uma Amizade Diferente” (2009), saiba que o direcionamento é bem parecido, além de plasticamente lembrar o mórbido “Coraline” (2009) com pequenos detalhes nos personagens que fazem toda a diferença (destaque para cicatrizes e a capa de um livro do Kafka). O roteiro escrito por profissionais como Céline Sciamma (“Tomboy“, “Garotas“) irá nos apresentar ao Abobrinha, apelido de um garoto de 9 anos, que logo no início perde a sua mãe alcoólatra. O agora órfão acaba sendo encaminhado para uma instituição que abriga crianças que perderam os seus pais de diversas maneiras, incluindo problemas sérios com a justiça. É lá que Abobrinha passará a conhecer o valor da amizade. “Minha Vida de Abobrinha”, apesar do aspecto lúdico, é bastante pesado porque a realidade daquelas crianças não é nada convidativa, ainda mais quando se trata de seres que, apesar da idade, não foram poupadas de uma realidade cruel. Um dos garotos chega a informar que uma das colegas foi parar lá porque o pai dela fazia “coisas ruins” com ela todas as noites, sugerindo um caso de abuso sexual (“ela tinha pesadelos todas as noites… até que o pai foi preso”). Por ter um tipão europeu, não é um filme para muitos. Mas achei redondinho, sem correr o risco de se entregar ao tom piegas que fica à espreita. Recomendo!

Resumo
Data
Título
Minha Vida de Abobrinha
Avaliação
51star1star1star1star1star

Comentários (via Facebook)

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.