MONSTER – DESEJO ASSASSINO (2003)

Monster – Desejo Assassino | Monster | dir. Patty Jenkins | EUA | ★★★★

Monster Poster

Estava há muito tempo querendo rever esse filme modesto, mas que contém a atuação histórica de Charlize Theron, que fez a limpa nas premiações em que fez campanha como melhor atriz faturando o Oscar, Globo de Ouro, Independent Spirit Awards, entre tantos outros. Acontece que em “Monster – Desejo Assassino”, Charlize, que também produziu a fita, está muito além dos quilos a mais que deformou seu corpo, a dentadura ou a ausência de sobrancelhas. Trata-se de um trabalho minucioso em que mergulha nas facetas de um personagem controverso. O roteiro e direção são de Patty Jenkins, se baseando nas cartas da verdadeira Aileen Wuornos. Aileen (Theron), para quem não sabe, é conhecida por ser a primeira serial killer mulher dos EUA. Quando não está mais com qualquer perspectiva para existir, entra sem saber num bar gay e conhece Selby (Christina Ricci). As duas se envolvem, porém, Selby faz com que Aileen se sinta quase que obrigada a continuar se prostituindo, já que não possui qualificação para trabalhos assalariados. Não demora muito para que comece a matar seus clientes (os contextos são bem distintos). Wuornos foi condenada em 1992 pela morte de sete homens, dos quais ela alegou ter matado em legítima defesa. O filme, apesar de romantizar boa parte desses crimes, pretende fazer muito mais uma abordagem focada no relacionamento das duas mulheres. Não ficaria surpreendido ao saber que muita gente considera Selby a culpada pela morte de Aileen por injeção letal (a execução ocorreu em 2002). Não diria que se trata de uma culpa, mas é visível a influência que uma tinha sobre a outra numa relação estranha, bastante abusiva por conta do histórico de ambas as mulheres. Assista para conhecer e também para se dar conta de que Charlize Theron é de fato uma excelente atriz.

Resumo
Data
Título
Monster – Desejo Assassino
Avaliação
41star1star1star1stargray

Comentários (via Facebook)

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.