NOVE RAINHAS (2000)

Nove Rainhas | Nueve Reinas | dir. Fabián Bielinsky | Argentina | ★★★★★

Nove Rainhas Poster

Basta fazer uma maratona de filmes argentinos pra perceber que Ricardo Darín é mesmo onipresente. Só de cabeça eu me lembro de tê-lo visto em “O Segredo dos Seus Olhos” (2009), “Relatos Selvagens” (2014), “Elefante Branco” (2012), entre outras oportunidades. No entanto, o que pouca gente sabe é que o ator despontou mesmo foi com este “Nove Rainhas”. Aqui ele interpreta Marcos, um trambiqueiro de marca maior que “apadrinha” um mais iniciante, Juan (Gastón Pauls). O profissionalismo dos caras é tão grande, que nada passa imune aos seus delitos. Nem mesmo a negociação de um selo raríssimo (as nove rainhas do título). O roteiro de “Nove Rainhas”, escrito pelo também diretor Fabián Bielinsky, é ágil e cheio de reviravoltas, remetendo a uma série de outros filmes sobre estelionatos ou golpes. Curiosamente, o próprio Bielinsky relutou em fazer um remake holywodiano, porém pesquisando mais sobre o filme eu descobri que existe tal regravação, intitulada “171” (2004) e estrelada por John C. Reilly, Diego Luna e Maggie Gyllenhaal. Para quem ainda não sabe, infelizmente o cineasta faleceu com apenas 47 anos aqui em São Paulo após um ataque cardíaco. Além de “Nove Rainhas”, ele dirigiu “Aura”, também com Darín (não falei que é onipresente?!). Não preciso dizer mais que gosto muito desse trabalho, né? Talvez eu esteja querendo esconder mais detalhes sobre a trama, porque, repito, considero tudo muito cheio de reviravoltas, e quanto menos você souber sobre o que pode acontecer, será uma melhor experiência. Julgo ter sido muito bem aceito pelos brasileiros quando estreou por aqui, em especial aos paulistanos. Talvez seja impressão minha, mas tenho essa imagem de que o cinema argentino tenha essa abertura por aqui. Mesmo que demore para ter um novo favorito, quando acontece é sempre enaltecido, tanto é que “Relatos Selvagens” está aí até hoje em cartaz no Caixa Belas Artes.

Resumo
Data
Título
Nove Rainhas
Avaliação
51star1star1star1star1star

Comentários (via Facebook)

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.