O UIVO DA GAITA (2013)

O Uivo da Gaita | dir. Bruno Safadi | EUA | ★★★

37ª Mostra Internacional de São Paulo

O Uivo da Gaita Filme

Não há quem tire os méritos artísticos por trás de “O Uivo da Gaita”, filme que, se tivesse alcance maior, seria muito mais marcado por trazer duas atrizes globais de renome protagonizando beijos lésbicos. Parte integrante do projeto Operação Sonia Silk (completados por “O Rio nos Pertence” e o ainda inédito “Meta Mancia”), esse trabalho é basicamente uma das experiências mais estranhas que tive dentro de um cinema nos últimos meses. Não por ser inteiramente surreal, inédito ou até quem sabe inovador. O que impressiona é o fato de uma obra aparentemente simples conseguir transpassar todos os adjetos tão comuns na cinematografia nacional. O que importa aqui é, acima de qualquer coisa, o visual. Quase inteiramente sem diálogos e com longas cenas contemplativas, “O Uivo da Gaita” retrata o nefasto poder do amor, ilustrado pelo envolvimento entre Antônia (Mariana Ximenes) e Luana (Leandra Leal). Passado no Rio de Janeiro (em três locações específicas), a história sofre um retrocesso para exibir a chegada de Luisa na vida de Antônia, quando esta ainda é casada com Pedro (Jiddu Pinheiro). São esses os três personagens de uma obra minimalista, que não alça grandes investimentos narrativos. O que sobra, portanto, é um verdadeiro exercício de estilo do diretor carioca Bruno Safadi, que começou sua carreira como assistente de produção de Júlio Bressane. Ao longo dos setenta minutos de projeção, nos resta admirar cenas sintomáticas em que nossos sentidos praticamente são estimulados unicamente pelas imagens. O tédio pode aparecer em diversos momentos, ainda mais num filme que delimita qualquer tipo de verbalidade para dar lugar aos silenciosos momentos de introspecção. É válido lembrar que “O Uivo da Gaita” nunca será indicado para grandes públicos, porém não deixa de ser uma oportunidade quase inexistente (ainda mais quando estamos falando em indústria nacional) de acompanhar um filme pelo que ele representa estilisticamente.

Resumo
Data
Título
O Uivo da Gaita
Avaliação
31star1star1stargraygray

Comentários (via Facebook)

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.