PROCURANDO DORY (2016)

Procurando Dory | Finding Dory | dir. Andrew Stanton, Angus MacLane | EUA | ★★★★

Procurando Dory Poster

“Procurando Nemo” (2003) foi um enorme sucesso dos estúdios Pixar. Até este ano a animação se mantém como a segunda maior bilheteria do estúdio, perdendo somente para “Toy Story” (1995). Sendo assim, é estranho imaginar que mesmo depois desses anos todos ainda não pensaram em uma continuação. A apresentadora de TV Ellen DeGeneres, que deu voz à simpática coadjuvante Dory, fez uma extensa campanha para viabilizar essa sequência, até que a boa notícia da aprovação foi feita em seu próprio programa para a alegria dela e dos fãs de Nemo. “Procurando Dory” se passa, em sua linha de tempo na história, um ano após os acontecimentos ocorridos em seu antecessor. Dory vive junto com Nemo (Hayden Rolence) e seu pai protetor Marlin (Albert Brooks). Até que ela começa a ter flashes de memória de seu passado, quando seus preocupados pais tentavam criar mecanismos para que a sua perda de memória recente não fosse um problema para ela voltar pra casa. O problema é que Dory, ainda pequena, foi levada pela correnteza e não conseguiu mais saber o porquê e pra onde voltar. Como dá pra perceber, a estrutura de “Procurando Dory” não se difere muito de “Procurando Nemo”. Os diretores – o remanescente Andrew Stanton e o novato Angus MacLane -, como era de se esperar, fazem o que podem dentro dessa fórmula. O visual é arrebatador, sempre levando em consideração o fato de que se passa em grande parte debaixo d’água. E por falar em água, é sempre bom estar diante de uma animação que se comunica bem com a molecada sem deixar de ser didático em relação à vida marinha. Afinal, sem “Procurando Dory” fica difícil apreender informações como o fato do polvo ter três corações ou a incrível inteligência das baleias beluga. Uma simpatia só.

Filmes Relacionados:

Procurando Nemo

 

Resumo
Data
Título
Procurando Dory
Avaliação
41star1star1star1stargray

Comentários (via Facebook)

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.