RISCO DUPLO (1999)

Risco Duplo | Double Jeopardy | dir. Bruce Beresford | EUA | ★★

Risco Duplo Poster

Eu levei a sério a minha maratona Ashley Judd. Depois de ver o intenso “Possuídos” (2006), resolvi desbravar “Risco Duplo“, que é mais antigo e o primeiro que vi ser estrelado pela atriz que eu acrescento na categoria “cara de gente como a gente”. O mais irônico é que, revendo agora, “Risco Duplo” é um filme bem fraquinho. Ainda bem que é aquele fraco que prende a atenção e, se tivesse mais um pouco de esforço, entraria com louvor no status de guilty pleasure. Mas não dá. As situações são inverossímeis demais e muita coisa parece ter saído de uma novela das 7 qualquer. A história retrata a situação em que se viu Libby (Ashley Judd), que antes tinha uma vida tranquila e confortável ao lado do marido e único filho. Após um passeio num iate presenteado pelo próprio esposo, ele misteriosamente some da embarcação, Libby acorda ensanguentada e a polícia costeira chega bem no momento em que ela está com uma faca na mão. A azarada é sentenciada por homicídio e passa alguns anos na cadeia. O nó está quando ela descobre que o marido pode estar bem vivo e morando com uma outrora amiga. Determinada a reaver a custódia do filho e se vingar pelo tempo presa injustamente, Libby terá que escapar até mesmo do seu agente de condicional (Tommy Lee Jones). O papel dado para Judd era pra ter sido interpretado por Jodie Foster, que na época teve que se desligar do projeto por conta de sua gravidez. A substituta, apesar de engessada no começo, conseguiu dar o tom de sua personagem, que garantiu o seu passaporte para produções maiores e prêmios vinculados à indústria massiva, como o MTV Movie Awards. “Risco Duplo” tem uma série de problemas, que confere a sua necessidade de se firmar como um filme de ação. Muitas das “licenças poéticas” são imperdoáveis, como a ineficácia da polícia em descobrir o rosto de uma vítima de assassinato ocorrido anos antes. É engraçado pelos motivos erados. Pelo menos deu pra matar saudades.

Resumo
Data
Título
Risco Duplo
Avaliação
21star1stargraygraygray

Comentários (via Facebook)

comments

Um comentário

  1. Cara, agora eu vou ter que ver, mesmo com você falando que não é bom. Que história maravilhosa é essa? Tem cara de novela das 23 da Rede Globo! hehehehe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.