SE MEU APARTAMENTO FALASSE (1960)

Se Meu Apartamento Falasse | The Apartment | dir. Billy Wilder | EUA | ★★★★

Se Meu Apartamento Falasse Poster

Logo depois do sucesso obtido com “Quanto Mais Quente Melhor” (1959), Billy Wilder – também conhecido como um dos maiores realizadores da clássica Hollywood – repete a sua parceria com Jack Lemmon nesse “Se Meu Apartamento Falasse”, que conseguiu o êxito em vencer pelo menos 5 prêmios Oscar, além das indicações para Lemmon e MacLaine. O mais curioso que eu achei desse filme é que os mocinhos não são, digamos, muito ortodoxos. Ela tem cabelos curtos, se envolve com homem casado e potencial suicida, enquanto ele é um bom samaritano que só quer saber de ganhar vantagem. Este personagem é C. C. Baxter (Jack Lemmon), funcionário de uma companhia de seguros em Manhattan no final do ano de 1959. Ele vai ganhando a confiança de sua chefia por emprestar seu apartamento para que eles possam ter encontros extraconjugais (desconfio que os motéis eram inexistentes nessa época). Num desses empréstimos, o seu chefe (Fred MacMurray) acaba dando um fora na sua amante, e faz com que ela tente se suicidar logo depois. Por coincidência, a garota é Fran (Shirley MacLaine), ascensorista do mesmo prédio em que Baxter trabalha, sendo que ele mesmo já tenha flertado com ela. Esse imbróglio todo não chega a ser exatamente uma comédia de situações. Até porque “Se Meu Apartamento Falasse” é um filme no qual os principais personagens sofrem de algum tipo de solidão, seja ela por não ter para onde ir numa noite de Natal ou no isolamento do matrimônio. Além desse fato, é preciso dizer que o final do filme chega a ser surpreendente, pois não há declarações vazias, um “eu te amo” recíproco. Ou seja, é um definidor de um gênero, e é por isso que a obra tem a sua devida importância na história do cinema estadunidense. Gosto, porém, muito mais pelo que representa.

Resumo
Data
Título
Se Meu Apartamento Falasse
Avaliação
41star1star1star1stargray

Comentários (via Facebook)

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.