TROPA DE ELITE (2007)

Tropa de Elite | Tropa de Elite | dir. José Padilha | Brasil | ★★★★★

Tropa de Elite Poster

Quando assisti ao “Tropa de Elite” pela primeira vez eu o considerei ótimo. Mas revendo essa semana eu percebi o quão mal compreendido também foi. Baseado no livro escrito por André Batista, Rodrigo Pimentel e Luiz Eduardo Soares, o filme dirigido por José Padilha narra a difícil situação do Capitão Nascimento (Wagner Moura), que prestes a ser pai e já há 10 anos como membro do BOPE (Batalhão de Operações Policiais Especiais) no Rio de Janeiro em 1997, já não vê mais razão em se arriscar tanto na guerra urbana travada entre policiais e traficantes. Com isso, ele tenta selecionar pelo menos dois potenciais substitutos, que poderiam ser os entusiasmados aspirantes Matias (André Ramiro) e Neto (Caio Junqueira). Enquanto filme, “Tropa de Elite” cumpre lindamente o seu papel. É bem dirigido (tem cenas de tiroteio com uma movimentação desafiadora), interpretado e montado. Fora que o roteiro só cresce com o arco do personagem Matias, nitidamente o grande protagonista da história. Enquanto discussão social, é melhor ainda. Claro que muitas vezes o longa foi taxado como fascista. E até entendo essa alcunha, pois não dá pra achar bonito um cara que pratica tortura e pena de morte como parte do seu trabalho, ainda mais dentro de uma instituição corrupta como é a polícia. Entretanto, por outro lado, também não dá para livrar a cara da sociedade em geral, que de algum modo pode financiar o crime organizado numa realidade muito distante para eles. Os estudantes da PUC no filme, por exemplo, formam o retrato do jovem que faz textão no Facebook falando sobre desmilitarização da polícia sem se dar conta da maquinação necessária para que o baseado que ele fuma entre os amigos não caiu no seu colo de graça. Muitas crianças podem ter caído na criminalidade para que isso pudesse acontecer. Fica aí a questão.

Filmes Relacionados:

Tropa de Elite 2 – O Inimigo Agora é Outro (2010)

Resumo
Data
Título
Tropa de Elite
Avaliação
51star1star1star1star1star

Comentários (via Facebook)

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.